segunda-feira, 23 de novembro de 2009

Postado por Helena Sperotto às 07:41 0 comentários Links para esta postagem
A língua portuguesa e a língua de sinais ocupam espaços significativos na instituição de ensino e na qual a língua de sinais é a língua de instrução. Um dos maiores problemas na educação do surdo é proveniente do processo de ensino-aprendizagem da língua portuguesa. Afinal, uma parte significativa de sua vida acadêmica, civil e pessoal sofre grandes reflexos em conseqüência do domínio ou não dessa língua.
Para que o desenvolvimento lingüístico aconteça é necessário que alunos surdos tenham a oportunidade de aprender a Língua de Sinais se possível desde cedo oportunizando dessa forma a oportunidade de desenvolver seu potencial e entrar com mais facilidade no mundo da leitura e escrita.
A ausência de audição e, conseqüentemente, da possibilidade de expressar-se naturalmente por meio da língua oral foi e continua sendo um dos principais aspectos de marginalização social das pessoas surdas. Além disso, a grande maioria dos surdos utiliza-se de formas de comunicação que priorizam os processos visuais, os quais têm na língua de sinais seu principal recurso simbólico.
 

Português como Segunda Língua para Surdos Copyright © 2009 Girl Music is Designed by Ipietoon Sponsored by Emocutez